BRASIL, SAO PAULO, MARILIA, Homem, de 36 a 45 anos, Portuguese, English, Livros, Cinema e vídeo
MSN -


O que é isto?


Enviar esta foto por e-mail
Anterior
Doutor Caligari e a Burocracia

Cena do filme "O Gabinete do Dr. Caligari" (1919) de Robert Wiene. Doutor Caligari visita a Prefeitura Municipal para obter a permissão das Autoridades locais para exibir na Feira da cidade sua atração: o sonâmbulo Cesare.

06/04/2012 Publicada por Giovanni Alves


Dr.Galigari, decide ir até a administração do vilarejo para pedir uma autorização para apresentar Cesari, que de acordo com a história permanece dormindo “sonâmbulo” há uns 25 anos e faz previsões do futuro. Durante o atendimento, do Dr.com o funcionário que representa a burocracia, há uma troca de expediente, outro funcionário substitui o anterior e desta forma, sem ser muito bem compreendido acerca do que terá na sua apresentação, Dr.Caligari consegue a desejada autorização. Esta cena do filme retrata a burocracia, impessoalidade no atendimento, exatamente como a Alemanha vivenciava desde que se tornou uma república.

01/06/2012 23:19 Marina Alves Marina_alves14@yahoo.com.br Cunha-SP

A imagem, essencialmente expressionista, visto as expressões faciais dos personagens e a divisão do cenário, demonstra a hierarquia posta entre os burocratas e os cidadãos comuns. Ou seja, representa através da escolha do cenário, o banco mais alto, os papéis e a caneta, que os mandos e desmandos são feitos por autarquias devidamente divididas. Assim, a cena demonstra a função da burocracia no setor público como forma de funcionamento e organização estritamente rígida e inflexível.

01/06/2012 21:54 Lara Segamarchi Trindade

Nesta cena que podemos observar, está retratada a burocracia que estava presente na Alemanha e que muitas vezes ainda podemos encontrá-la nos dias atuais. Para o Dr. Caligari poder se apresentar na feira da cidade, ele precisa obrigatoriamente enfrentar todo o processo rigoroso para não ficar na ilegalidade, cuja lhe pode implicar penalidades dependendo de como era a legislação quanto a este assunto na época. O filme em si, é uma grande arte que relata o Expressionismo Alemão em 1920, no qual o roteiro e as interpretações dos atores são tão bem realizados, que ficarão para a história do cinema.

01/06/2012 21:31 Guilherme Falavigna De Lolo guilhermefalavigna@hotmail.com Rio Claro, SP

Logo nas primeiras cenas, o Doutor Caligari já se depara com a burocracia ao chegar na cidade. Ao ir a prefeitura pedir permissão para se apresentar na feira anual é advertido a não falar com o secretário porque este está de mau-humor, após mostrar um cartão no qual a palavra DOUTOR antecede seu nome Caligari consegue ter acesso ao departamento do secretário, onde fica esperando por muito tempo e quando finalmente consegue ter acesso ao secretário, é mal atendido e encaminhado para outra pessoa. Este é um retrato fiel a burocracia até hoje existente, onde é necessário enfrentar o descaso dos funcionários públicos, o encaminhamento para outras e outras pessoas, e a lentidão nos processos.

01/06/2012 19:58 Amanda da Rocha Marques a-baka@hotmail.com Marília - SP

O cenário é reflexo do estilo estético próprio ao expressionismo alemão com um jogo de claro-escuro, desproporções físicas do espaço, com um ar fúnebre como se as imagens fossem reflexo deformado do inconsciente do narrador

01/06/2012 17:39 Juliana Soares julia.doliveira@yahoo.com.br Marília, SP

A relação do individuo com a burocracia estatal retratada na foto é comum na Alemanha pós-guerra que sofre com os sansões impostas pelos países vencedores. Podemos perceber também as características estéticas de linhas tortas, contraste de luz e sombra que cria uma atmosfera imprecisa, incerta, características comuns ao expressionismo e que reflete os sentimentos de um país descrente na razão.

01/06/2012 14:48 mariane renata alves mariane.ralves@hotmail.com marilia,sp

Numa breve observação podemos perceber na imagem primeiramente o estilo expressionista da época. Percebemos o cenário com paredes e linhas tortas, sobrepondo-se sempre o claro e o escuro, onde todos os traços são aterrorizantes: desde a iluminação aos traços dos móveis e maquiagem dos personagens. As linhas de cortorno são retas e muitas vezes sofrem quebras abruptas. Todo o cenário e elenco contribuem para uma atmosfera mórbida e funérea. Este estilo cinematográfico e artístico está imerso em um contexto histórico onde os alemães estavam cotidianamente sofrendo mortes ou perdas por conta da I Guerra Mundial. A morte e o horror fazem parte da vida cotidiana. Cf. Eisner (2002) - "A tela demoníaca".

01/06/2012 14:06 Ricardo Alvino Pacífico Lopes ricardo_pacifico@terra.com.br Marília - SP

O poder da burocracia existente na alemanha no contexto pós 1 Guerra mundial, é bem retratada na cena acima, com a elevação da cadeira e consequentemente do ator, podemos ver a representação da dominação de uma autoridade, que se fazia impor por meio da burocratização do mundo.

26/05/2012 23:59 Ana carolina Lirani mazarini ac.mazarini@bol.com.br Marília,sp

O poder da burocracia existente na alemanha no contexto pós 1 Guerra mundial, é bem retratada na cena acima, com a elevação da cadeira e consequentemente do ator, podemos ver a representação da dominação de uma autoridade, que se fazia impor por meio da burocratização do mundo.

26/05/2012 23:58 Ana carolina Lirani mazarini ac.mazarini@bol.com.br Marília,sp

Na imagem os atores aparecem em diferentes planos/perspectivas. Enquanto os responsáveis pela operacionalização da burocracia ficam num plano superior e como se estivessem do lado de dentro, Caligari fica num plano inferior e aparentemente do lado de fora, a mercê da (boa?) vontade da autoridade estatal. Esta imagem, analisada no conjunto do filme, instiga a reflexões sobre algumas das anunciadas premissas da burocracia, como, por exemplo, a impessoalidade e seus desdobramentos. Se Jane pode ser tomada, entre as personagens do filme, como efígie-personificação da burocracia, sua não-fala seria bastante representativa: “We queens...are not permitted to follow the dictates of our hearts”. Será?

25/05/2012 17:01 claudio silva silvanegrao@gmail.com marilia/SP

Nos comentários anteriores podemos analisar o contexto histórico e a cena referentes a Alemanha no século XIX, sobre a questão burocrática e a autoridade. Gostaria de observar a questão dos interesses, o que Ferdinand Tönnies, chamará de "Vontade Arbitrária",que nada mais é que ações motivadas por interesses, Ao relacionarmos com a cena, percebemos essa relação de interesses quando as autoridades não dão atenção para o Dr. Calegari, devido ele a feira não ser benéfico para eles,não trazendo reconhecimento nem dinheiro, por esses motivos que o atende de forma indiferente, o que ainda podemos ver em alguns setores, se não na maioria, esse jogo de interesses na sociedade moderna.

25/05/2012 16:50 Anna Carolina C. Targino do Nascimento anna.nascimento@yahoo.com.br São Paulo,SP

Nos comentários anteriores pudemos analisar o contexto histórico e a cena referentes a Alemanha no século XIX, sobre a questão burocrática e a autoridade. Gostaria de observar a questão dos interesses, o que Ferdinand Tönnies, chamará de "Vontade Arbitrária",que nada mais é que ações motivadas por interesses, Ao relacionarmos com a cena, percebemos essa relação de interesses quando as autoridades não dão atenção para o Dr. Calegari, devido ele a feira não ser benéfico para eles,não trazendo reconhecimento nem dinheiro, por esses motivos que o atende de forma indiferente, o que ainda podemos ver em alguns setores, se não na maioria, esse jogo de interesses na sociedade moderna.

25/05/2012 16:44 Anna Carolina C. Targino do Nascimento anna.nascimento@yahoo.com.br São Paulo,SP

A Alemanha do séc. XX era uma sociedade que estva se industrializando tardiamente em comparação oas outros países da Europa. Nesse contexto Dr. Caligaria, na cena em questão, está sentado estranhando a burocracia que era o novo fenômeno da modernidade de sua época. Assim, Dr Galigari está sentado tentando construir uma idéia do que é a sociedade em que ele vive, onde, com essas novas formas burocráticas de convivência na industrialização, não se tem mais espaço para o desenvolvimento coletivo.

22/05/2012 17:59 Marília Beatriz Brino Barretto marilia.bbb@ig.com.br São Paulo

Esta cena em que Doutor Calegari vai à Prefeitura Municipal de Holstenwall, para obter a permissão para exibir na Feira da cidade sua atração: o sonâmbulo Cesare; para mim é a encenação do contexto histórico em que a Alemanha se encontrava em 1919. Neste ano,a Alemanha sofria as conseqüências das duras condições ditadas pelo Tratado de Versalhes.Dito isso, para mim o funcionário no alto de sua cadeira representa a Tríplice Entente (Rússia, França e Reino Unido) e o Doutor Calegari , a Alemanha.O funcionário exercia sua burocracia , enquanto ao Doutor Calegari só restava a obediência, de maneira parecida a Alemanha se sujeitava as duras condições que a Tríplice Entente a impôs através do Tratado.

20/05/2012 23:09 Naiara Fernanda Costa costa_naiara@hotmail.com Sorocaba-SP

A complexa burocracia Prussiana refletida no chá de cadeira qual foi submetido Dr. Caligari, típico do constantemente atrasado desenvolvimento alemão. A Ideologia Alemã tratada por Marx se mostra como uma grande cabeça de corpo franzino. Elaborações teóricas que demoram a tocar o plano concreto. Expressas num simples pedido de permissão - de um evento recorrente na cidade - e ainda assim tratado com lentidão e desimportância por parte da autoridade. Pode-se pensar até num comportamento Blasé, de indiferença da parte burocrática, a qual pouco se importa com as razões pessoais de quem é atendido, como o Doutor nessa cena.

16/05/2012 17:51 Caio Kraide Gaeta ckgaeta@hotmail.com Piracicaba / SP

Como já descrito nos comentários anteriores, essa cena retrata a burocracia alemã, e a hierarquia de autoridade. De um lado, o olhar de superioridade do representante municipal, o seu lugar destacado, ao alto, e fazendo pouco dos festejos populares; do outro, disfarçado de um reles "artista", precisando se submeter aos entraves burocráticos para exibir sua apresentação. Nota-se a necessidade de passar por esse processo, para parecer válido como qualquer outra atração da feira.

03/05/2012 19:30 Renata Menezes renogme@yahoo.com.br Marília, SP

Está é a cena do filme, na qual Dr.Galigari, vai pedir autorização para poder apresentar seu show durante a feira. O homem que está sentando na cadeira é a autoridade para quem ele vai solicitar essa permissão. A cena é extremamente atual, se formos analisar, as autoridades, ainda hoje, se sentem olhando de cima para a população. Dr. Galigari, é destratado pelo funcionário público, que o menospreza e ironiza quanto a sua apresentação, representando o poder das autoridades alemãs da época.

23/04/2012 11:07 Quézia Keiko Makino Mortari quezia_keiko@hotmail.com Marília/SP

Nesta cena, mesmo com o Dr. Caligari podendo ser a representação da autoridade essa autoridade se mostra sob a dominação de uma autoridade maior. Nesse sentido é possível entender o embate de forças entre a autoridade anterior e a autoridade que buscava se impor. Justamente o contexto histórico que vivia a Alemanha de 1919

20/04/2012 23:59 Evanway Sellberg Soares evanwayss@gmail.com Sorocaba-SP

Esta cena retrata muito bem o poder burocrático forte existente na Alemanha no contexto pós I Guerra Mundial. Isso se explica pelo fato da Unificaçáo Alemã (1871)não ter se dado de forma democrática, somando-se o fato do governo ditatorial Bismarckiano combinar ao elo de unificação a burocracia prussiana sem a supressão das contradições internas e inerentes à Alemanha neste período. O Estado é quem criou a sociedade civil (burocrática com resquícios feudais e aristrocráticos)pois não houve uma revolução burguesa.

12/04/2012 21:35 Thais Lacerda thais.shalom@hotmail.com Marília, SP

Comente esta foto
Nome   
E-mail   
Cidade/Estado   
Comentário  
Caracteres restantes : 1000